quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Cinco anos e é já!

Neste ano lectivo, o M. (já) foi para o jardim de infância público.

Na passada terça-feira, dia 6, a educadora do prolongamento contou que ele se deita à hora da sesta, mas fica acordado. Disse que devia ser por ser dos mais velhinhos...
Fiquei admirada por ele ser dos mais velhos, já que há miúdos a partir dos três (alguns ainda sem os ter completado), mas como ainda são apenas actividades com a educadora e auxiliares do prolongamento e estão poucos miúdos, podia até ser que fosse dos mais velhos.

Qualquer das formas, perguntei admirada:
- Ele é dos mais velhos?!
- Sim, como já tem cinco anos...
- Cinco? Não, ele tem quatro [já havia dito e essa informação está nas listas, mas a educadora não deve ter fixado] e feitos recentemente!
- Ah! É que ele disse-me que tem cinco anos, e eu acreditei!

[Aqui, fez-se-me luz e quase que me saiu um 'LOL'! :P]

- Ele diz que tem cinco porque quer fazer anos outra vez. Aliás, ontem fizemos bolos e ele queria fazer uma festa de aniversário. Mas não, não tem cinco, ainda há pouco fez os quatro. Pela altura, até podia ter, mas não. :D
- Pois, eu nem estranhei muito porque ele é muito grande, tem corpo de cinco anos.

E, de facto, tem mesmo. 107 cm, aos quatro anos, já é altura de cinco, mas isso 'runs in the family' porque com a irmã é a mesma coisa. Praticamente rebentam como os percentis das alturas e as etiquetas das peças de roupa só servem mesmo para fazer comichão, porque os anos/cm que lá aparecem não nos oferecem orientação alguma.;)

Depois, já no carro:
- M., quantos anos tens?
- Cinco! [Ele ainda não pronuncia correctamente a palavra, mas percebe-se bem que é 'cinco'.]
- Não tens... Tens quatro anos!
- Não. [Here we go again.]
- Sim. Tens quatro.
- Não tem!
- Não é não tem, é não tenho. E tens, tens quatro anos.
- Não tenho. É cinco!
- Não é, tens quatro! Ai!
- Depois cinco?
- Sim, depois vais fazer cinco.

A juntar às taras da Bracalândia e da Disney, ainda há esta do querer fazer cinco anos. Passa a vida a dizer que 'quatro anos já 'tá' e que agora vai fazer cinco e quer um bolo e uma festa e mais não sei o quê. O 'problema' dele é a teimosia. Teimoso teimoso até mais não.



3 comentários:

Luz de Estrelas disse...

:D Gosta de party!!!

Tita disse...

Pressa em crescer! :))

S. disse...

Teimosia... é o "middle name" da minha... Sei bem o que isso é :)