quarta-feira, 2 de julho de 2008

A primeira palavra dele

foi 'olá', por volta dos três meses e meio. Até hoje, continuou sempre a dizê-la e sempre no contexto certo.
Há uns dias, parece que aprendeu a sua segunda palavra: 'papá'. Ainda não sei se percebe de quem é que está a falar, mas o certo é que 'mamã' nem se vislumbra no horizonte. :S
Também diz 'tata', há já bastante tempo, e parece que se refere à mana.

3 comentários:

Kátia e Fábio disse...

Deixa lá, quando começar a dizer "mama" esqueçe as outras, o meu dizia ola e papa começou a dizer mama nunca mais o ouvi a dizer papa... tadito do pai... é a vida!!
beijoos

rita disse...

A primeira foi um "oá" q tanto pode ser "olá" como "apirador". Por isso não conta :))
A 1ª palavra a sério foi mamã (q só diz em caso de emergência e se for mesmo mesmo urgente).
Mas há duas palavras q tá sempre a dizer, parece um disco riscado: "Tia" foi a tia q lhe ensinou e serve para toda a gente. E "quié" sempre q tocam à campaínha, o telemóvel...:)
Bjs

Mamã Pirata disse...

EHEHE!

Eu andei 11 meses a dizer:
Filho,diz mamã,chama a mamã.

Ele dizia :-Outa
Cheguei a perguntar ao Pai quem era a "OUTA"...LOLOL.

Agora á dias diz :Mã!

Tem calma que ele vai dizer quando menos esperas.